Casa de cinema: “Curtindo a vida adoidado”

127_s

Um dos cenários do emblemático Curtindo a Vida Adoidado (1986) pode virar a residência de qualquer fã do filme. De acordo com o portal de notícias norte-americano Huffington Post, a casa de Cameron Frye foi colocada à venda por US$ 1,5 milhão. A morada do melhor amigo de Ferris Bueller está localizada em Highland Park, no estado de Illinoi, nos Estados Unidos.

curtindo

 

CasaCameron03 casa-famosas-a-venda-Curtindo-a-vida-adoidado

Construída em 1953, a mansão foi toda projetada em aço e vidro. São quatro quartos, quatro banheiros e o entorno é cercado por árvores num terreno de 5,3 mil m². Com sorte, o novo morador pode encontrar uma Ferrari vermelha no pátio dos fundos como no filme. Quem sabe?

Fonte: G1

 

Sinais do Tempo

tn_620_600_estacao_1805treze

A antiga Estação Ferroviária. Hoje é o Shopping Estação

As histórias dos três shopping centers – Mueller, Curitiba e Estação – são tema do documentário Curityba – Sinais do Tempo, da diretora e roteirista June Meireles. A ideia da baiana, que vive em Curitiba há mais de 10 anos, é manter viva a história dos espaços na cidade. “Muita gente não sabe ao certo o que foram cada um dos espaços. A memória da população está falhando”, relata para a Gazeta do Povo.
O documentário mostra que, nos Estados Unidos, os shoppings nasceram como alternativa comercial para moradores de regiões distantes dos centros das cidades. “Mas no Brasil isso não ocorre. Os três prédios históricos de Curitiba que hoje são shoppings estão situados no Centro”, ressalta a arquiteta Yumi Yamawaki, que participa do documentário.

Bem que poderia ter um filme assim sobre os prédios históricos de Porto Alegre, né?

Jardim vertical e perfumado

Poluição sonora, visual, estresse, cheiros que definitivamente não são um mar de rosas. A vida urbana é cool, mas pode cansar. Para escapar um pouco dessa rotina frenética de cidade grande, uma família lisboeta reformou sua casa em busca de um contato mais intenso com a natureza, mostrando que não é preciso investir em terrenos grandes para ter uma área verde bacana.

01

A casa, com três andares e um terraço, foi coberta externamente pela flora. O charmoso jardim vertical possui 100 m² e 4.500 plantas, de 25 espécies diferentes, todas naturais das regiões ibéricas e mediterrâneas. A ideia ecologicamente correta surgiu de um esforço conjunto dos profissionais locais Luís Rebelo de Andrade, Tiago Rebelo de Andrade e Manuel Cachão Tojal.

02

03

“Queríamos que a casa parecesse uma árvore”. Por isso, a construção tem como acabamento no térreo a madeira e o verde acima. O projeto paisagístico é da Adn-Garden Design, que garante que não será complicado fazer a manutenção do jardim vertical.

04

E umas das características mais legais: a casa oferece perfumes variados. Da piscina, sente-se cheiro de açafrão, no quarto chega o frescor da lavanda e na sala de estar mergulha-se em perfumado alecrim.

Fonte: Casa Vogue

Casa em 3D

Já pensou como seria bom não ter que esperar meses para ver a sua casa nova ficar pronta? Com a Contour Crafting, uma impressora 3D gigante, isso já é possível. A invenção é de Behrokh Khosnevis, professor da University of Sourthern California, que mostrou que é possível imprimir em 3D uma casa de 230 m³ em menos de um dia.

01

O processo de impressão é o mesmo de peças pequenas em 3D, feito de camada em camada. Os muros e paredes são desenvolvidos com camadas de concreto, mas o mais incrível é que a máquina pode ser programada para pintar paredes, adicionar telhas, pisos, encanamento e fiação elétrica.

02

Fonte: Hypeness

Colados no teto

Já pensou como seria um quarto suspenso no teto? Parece loucura, mas essa é a solução que os arquitetos Emmanuel Combarel e Dominique Marrec encontraram para ajudar um casal francês que sofria com o reduzido espaço do seu loft.

01

O quarto do casal foi projetado como um grande cubo, feito de concreto e de madeira. Para não interferir na movimentação da sala de estar, os arquitetos criaram um desnível no apartamento. O cômodo suspenso deu um ar moderno e estiloso ao loft e serviu, ainda, para organizar melhor o apartamento, separando a sala, da cozinha e do banheiro.

02 03

Fontes: Hypeness e Revista Mobly

Sem gravidade

Em Londres, o artista argentino Leandro Erlich transformou uma casa que estava abandonada desde a Segunda Guerra Mundial em uma instalação no mínimo curiosa. Os visitantes são convidados a andar por uma fachada horizontal enquanto enxergam seus reflexos capturados por um gigante espelho posicionado em um ângulo de 45 graus.

E o resultado? Quando se olham no espelho, eles têm a impressão de que estão suspensos. É a experiência de viver sem gravidade.

londres

O projeto é patrocinado pela Barbican e tem por objetivo revelar potencialidades em áreas públicas que se encontram em desuso em Londres, estimulando, assim, o acesso da população a esses locais e uma melhor qualidade de vida para quem vive aos arredores.

Casa aberta

Rodrigo Ladeira criou um site que, certamente, ajudará muita gente jovem que está montando seu primeiro “lar doce lar”. O Casa Aberta (www.casaaberta.net) reúne referências bem bacanas de gente que abre suas portas para mostrar de que forma conseguiu encontrar soluções interessantes e econômicas para casas, escritórios, lojas ou restaurantes.

Inspire-se